Fatos sobre Robert Smithson


Criando esculturas de “Oposições”

Mirror Strata (uma peça grande formada por tiras de vidro sobrepostas), é necessário negar o aspecto refletivo de seu material enquanto, por outro lado, se se concentra em sua superfície, então sua solidez como um objeto desaparece. A aparência e a realidade são colocadas uma contra a outra, permitindo ao observador formar constantemente novas definições e entendimentos tanto do objeto quanto da intenção do artista. Smithson mostrou muitas destas obras em sua primeira exposição individual na Galeria Dwan em dezembro-janeiro de 1966-1967.
Non-Site, que consiste de baldes cheios de material coletado de locais específicos, refere-se à Site da qual foi coletado. Os cubos são exibidos em estruturas geométricas e comparados com mapas e fotografias, formando assim um diálogo contínuo entre a atividade do artista, o objeto que significa aquela atividade, e o local na natureza a partir do qual o objeto foi formado. Estes trabalhos de Site/NonSite minaram a localização do museu/galeria mesmo quando explicitaram ainda mais as ações transformadoras do artista sobre a matéria prima em seu estado original sem limites.

Trabalho em grande escala

Leitura adicional sobre Robert Smithson

Robert Smithson: Escultura de Robert Hobbs (1982), oferece uma discussão detalhada e ilustração da atividade escultórica de Smithson. Ver também Susan Ginsburg, Robert Smithson: Desenhos (1974)

Fontes adicionais de biografia


GOSTOU? PARTILHE COM OS SEUS AMIGOS!